EnglishPortugueseSpanish

Na próxima quarta-feira (17) o Mercosul deverá anunciar, durante a 54ª Reunião do Conselho, mudanças para o sistema de roaming internacional entre os países da região, que seria extinto segundo o jornal argentino La Nación. Para que a medida entre em vigor, a alteração na cobrança deve ser aprovada por cada um dos países.

Esse serviço cobra tarifas adicionais do consumidor para acesso aos serviços de telecomunicações caso ele viaje para outro país. Com as modificações, ele vai continuar pagando o mesmo valor para internet, SMS e ligações que já paga para sua operadora local.

publicidade

Ainda segundo o La Nación, foi cogitada a ideia de que a eliminação da cobrança seria feita aos poucos, mas ficou decidido pela eliminação imediata. Essa medida vai de encontro a uma decisão semelhante da União Europeia (EU), que eliminou as taxas extras de roaming internacional em junho de 2017 entre os países que compõem a UE.

Mesmo com a ideia sendo aceita pelos países do Mercosul, não há uma data específica para que o fim da cobrança comece a valer. Brasil e Chile já haviam entrado em um acordo semelhante no final do ano passado, mas a ideia não foi implementada até então.

Via: Veja