Essa é uma história que reafirma que a trapaça não compensa. Um novo ramsonware chamado Syrk tem infectado máquinas de jogadores de Fortnite mundo afora. Ele se apresenta como um aplicativo que, teoricamente, ajudaria o gamer a trapacear no jogo. Mas, ao instalar o software o que acontece é a criptografia do disco do computador. Os arquivos ficam inacessíveis até que a vítima pague um resgate. Caso contrário, o mesmo malware se encarrega de apagar todo o conteúdo do disco. A praga virtual foi desenhada mirando especificamente os mais de 250 milhões de pessoas que jogam Fortnite mundo afora. Se for o seu caso, fique longe de ofertas sedutoras para avançar facilmente no jogos.

publicidade