Preocupadas com o uso de plástico, especialmente plásticos não recicláveis, na produção de embalagens para seus games, a Sports Interactive e a Sega, desenvolvedora e distribuidora da franquia Football Manager, desenvolveram uma nova embalagem ‘verde’ para a próxima versão do jogo, totalmente composta por materiais reciclados ou recicláveis.

Apresentada por Miles Jacobson, diretor do estúdio da Sports Interactive, a embalagem de Footbal Manager 2020 é inteiramente feita com papelão reciclado. A impressão é feita com tinta de origem vegetal, à base de soja, e até mesmo o plástico usado para lacrar a embalagem é um filme de polietileno, altamente reciclável. Nem mesmo o disco do jogo escapou: a embalagem irá conter endereços de locais que podem fazer a reciclagem do material.

publicidade

Segundo Jacobson, a nova embalagem é 20 centavos de libra (ou 30%) mais cara que as tradicionais caixas plásticas, mas o estúdio ‘não se importa‘. Em uma tiragem de 350 mil cópias físicas do jogo, isso significaria uma economia de 20 toneladas de plástico. E o custo extra na produção poderia ser compensado no processo de descarte de cópias não vendidas, que é mais simples.

‘Imagine o que aconteceria se todos os outros jogos, todos os estúdios de cinema, todas as gravadoras usasswem esse tipo de embalagem…. Então estou lançando aqui um desafio para TODAS as empresas de entretenimento que usam plástico na embalagem de seus Blu-Rays, CDs e DVDs’, diz o executivo.

A Nintendo é uma empresa que poderia adotar a idéia. Um artigo recente publicado pelo site Ars Technica aponta que os minúsculos cartuchos para o Switch ocupam apenas 1% do volume de suas embalagens plásticas. E muitos não contém manuais, mapas ou quaisquer outros materiais que justifiquem o tamanho da caixa.

Fonte: Ars Technica