EnglishPortugueseSpanish

Um evento no Facebook criado em julho e intitulado “Storm Area 51, They Can’t Stop All of Us” (“Invada a Área 51, eles não podem parar todos nós”, em tradução livre) reuniu milhares de pessoas dispostas a invadir a Área 51 e “ver os alienígenas” escondidos por lá nesta sexta-feira (20).

O evento foi organizado por uma página de memes e se tornou tão viral que ganhou um festival de música em sua homenagem, o Alienstock, inicialmente planejado para começar na quinta-feira (19) e terminar domingo (22).

publicidade

A festa aconteceria em Rachel, Nevada, e teria shows surpresa, instalações de arte e acampamento, segundo o criador, Matty Roberts. Mas por motivos de segurança, Roberts transferiu a Alienstock para para o centro de Las Vegas e planejou uma festa de uma noite, gratuita e aberta para maiores de 21. 

Ainda assim, pessoas fantasiadas e com placas de “libertem os alienígenas” estão se reunindo próximos à Área 51, chamando a atenção da mídia e divertindo os internautas, que estão produzindo diversos memes e emplacaram a hashtag #StormArea51 como o assunto mais comentado no Twitter nesta sexta-feira.

 

As autoridades esperam que 30 mil pessoas compareçam ao local. Mas na noite de ontem, visitantes relataram ao Las Vegas Review Journal que ficaram decepcionadas com o público. “Estou desapontado porque tem muito menos pessoas do que disseram na internet. Não acho que voltarei aqui novamente”, afirmou Nathan Brow, que estava vestido com uniforme da Swat.

Um dos memes mais populares até agora diz respeito à “Corrida Naruto”. Diversas publicações foram criadas para incentivar os visitantes a invadirem a Área 51, correndo com os braços voltados para trás, como fazem os personagens ninjas do popular anime “Naruto”.

Em uma reportagem da emissora de televisão KTNV, em Rachel, um dos participantes do festival aparece correndo ao fundo utilizando-se da técnica do personagem da animação.

Policiais foram orientados a bloquear a estrada para evitar que carros lotem o local e a impedir qualquer tentativa de invasão à Área 51. Um porta-voz da Força Aérea Americana disse em entrevista ao jornal americano The Washington Post que “(a Área 51) é um campo de treino para a Força Aérea dos Estados Unidos, e nós desencorajamos todos que tentarem invadir o lugar onde as Forças Armadas americanas são treinadas”.

Fonte: Las Vegas Review Journal/Folha/Veja/Galileu