EnglishPortugueseSpanish

O iPhone de 2020 terá um design com a superfície de metal similar com aqueles utilizados no iPhone 4, em 2010. A informação foi dada pelo site MacRumors e tem como fonte um dos analistas de mercado mais conhecidos e confiáveis quando o assunto é Apple, Ming-Chi Kuo.

No que diz a respeito das previsões sobre a Apple, Kuo tem um bom histórico e não costuma errar, anunciando características e novidades antes mesmo da Apple torná-las oficiais.

publicidade

No entanto, ele não deu muitos detalhes em como este novo design será e isso pode ser uma grande novidade, já que a identidade visual dos smartphones da Apple permanece consistente desde o iPhone X, lançado em 2017.

Em questão de design, comparado com iPhones anteriores o iPhone 4 era mais quadrado. O retorno desta identidade visual, evitando bordas curvas, já é possível de ser identificado em novos produtos como no iPad Pro de 2018. Porém, nas predições de Kuo, o telefone irá continuar um vidro com uma leve curva na parte da frontal e de traseira, elementos que não estão presentes no iPad Pro.

Contudo, a forma do iPhone 4 foi a causa do antennagate, um problema de sinal da antena presente na maioria dos iPhones da época, já que a maneira de segurar o telefone influenciava na recepção do sinal, o que forçou a Apple a distribuir capas para o celular de graça.

Além disso, o MacRumors não mencionou explicitamente se a análise de Kuo aborda essa controvérsia, mas comenta que a estrutura de metal está sendo feita para minimizar qualquer impacto que o metal pode ter na transmissão da frequência. Outro aspecto que prova que os dias de antennagate acabaram é que a Apple integrou antenas nas laterais de seus telefones mais modernos.

publicidade

O analista também reiterou que o iPhone de 2020 também irá suportar 5G. No começo do ano, Kuo previu que todos os três iPhones do ano que vem iriam suportar 5G. Anteriormente, ele comentou que ambos os modelos com OLED (diodo orgânico emissor de luz) teriam como características monitores de 5,4 e 6,7 polegadas, comparado com o atual tamanho de 5,8 e 6,5 polegadas. Outras informações envolvendo a Apple apontam que a empresa talvez lance telefones com sensores biométricos na tela, em contrapartida, Kuo acredita que a tecnologia não estará pronta até 2021.

Via: The Verge