EnglishPortugueseSpanish

Apple TV+ chega ao Brasil, mas com uma pegadinha

Redação 1 de novembro de 2019

A disputa pelo mercado de streaming de vídeo acabou de ficar mais acirrada no Brasil. Entrou hoje no ar o Apple TV+ (plus), serviço da Apple que vem para concorrer com o Netflix, Amazon Prime Video, HBO Go e, em breve, com a Disney+ (plus).

A Apple está apostando em produções próprias, com grandes nomes da TV e do cinema norte-americano, como: Jason Momoa, Reese Whiterspoon, Jennifer Aniston e Steve Carell. O atrativo do serviço fica por conta do valor de sua mensalidade, apenas nove reais e noventa centavos, menos do que é cobrado nos Estados Unidos, 4,99 dólares cerca de 19,90 reais em conversão direta. No Brasil, os concorrentes do streaming da Apple, como o Netflix e Amazon, tem planos a partir de 21,90 reais.

publicidade

O catálogo de filmes e séries do Apple TV não está incluso na assinatura do Apple TV+. Ou seja, se você quiser assistir a Vingadores, Capitã Marvel, Two and a Half Men ou The Office, terá que comprar ou alugar os vídeos separadamente.

Cada assinatura dá direito ao compartilhamento da conta com até outras cinco pessoas, através do “Compartilhamento Familiar” e os novos assinantes têm direito a um período de uma semana de acesso gratuito. Para quem comprou um aparelho da Apple após 10 de setembro deste ano tem direito a 1 ano de acesso gratuito ao serviço.