EnglishPortugueseSpanish
publicidade

As chamadas estrelas cadentes são fenômenos luminosos que podem ser observados quando corpos celestes entram na atmosfera terrestre. Assistir à realização deste evento é algo raro, mas a Astro Live Experiences quer tornar o espetáculo mais frequente. A empresa deseja iluminar o céu noturno com estrelas cadentes criadas artificialmente

Para isso acontecer, a empresa lançará um pequeno satélite chamado ALE-2 no dia 25 de novembro, de acordo com o site Space. Após o satélite estar em órbita, ele lançará os meteoros artificiais no céu. A previsão é de que isso aconteça em 2020. 

publicidade

O ALE-2 lançará pelotas de centímetros de comprimento que incinerarão ao retornar à atmosfera da Terra. Visto do solo terrestre, a Astro Live Experiences espera que os objetos se pareçam com estrelas cadentes, de forma com que sejam similares ao fenômeno natural. Os objetos levarão de três a dez segundos para queimar, de acordo com as informações divulgadas. 

“Com este lançamento, estamos um passo mais perto de realizar a estrela cadente criada pelo homem”, afirmou Lena Okajima, CEO da Astro Live Experiences. “Aguardem a primeira demonstração mundial que pretendemos realizar em 2020. Será um marco importante para a ALE”, concluiu. 

Via: Futurism

 

publicidade