A Fitbit anunciou esta semana que está lançando uma atualização de software para alguns de seus smartwatches que dá a eles a capacidade de medir o nível de oxigênio no sangue do usuário ao longo do tempo. A atualização está disponível para modelos como o Fitbit Ionic, Versa e Charge 3, que já tinham o hardware necessário para isso.

Com o relógio atualizado, os usuários verão uma seção chamada Estimated Oxygen Variation (Variação Estimada de Oxigênio) entre os dados do app FitBit. O monitoramento dos níveis de oxigênio pode ajudar na detecção de problemas respiratórios ou condições como apneia do sono.

publicidade