EnglishPortugueseSpanish
publicidade

De acordo com o CEO da Tesla, Elon Musk, a picape elétrica Cybertruck será capaz de flutuar na água por um curto período de tempo. O bilionário revelou a informação nesta segunda-feira (20), ao ser questionado por um usuário no Twitter sobre a capacidade do veículo de atravessar ambientes inundados.

“Você já pensou na profundidade rasa do CT [Cybertruck]? Eu caço e pratico pesca e às vezes preciso atravessar riachos. Posso fazer isso sem danificar o caminhão?”, perguntou o usuário. “Sim. Ele [o veículo] até flutua por um tempo.”, respondeu Musk.

publicidade

Esta, no entanto, não é a primeira vez que o CEO da Tesla fala sobre a capacidade dos carros da companhia flutuarem na água. Em 2016, Elon Musk afirmou também pelo Twitter que o Tesla Model S poderia flutuar por um curto período de tempo.

publicidade

“Definitivamente, não recomendamos isso, mas o Modelo S flutua bem o suficiente para servir como um barco por curtos períodos de tempo. Impulso através da rotação da roda.”, escreveu.

Na época o empresário explicou que, no caso do Model S, essa característica se deve ao fato do pacote da bateria do carro ser hermeticamente selado – de modo que é impossível a troca de ar com o ambiente externo – o que ajuda o veículo a boiar.

Além disso, Musk ainda foi perguntado por outro usuário se a Cybertruck vai apresentar uma bomba de calor igual à do Tesla Model Y. Ele respondeu que sim e destacou que a picape ainda deve contar com “muito mais” recursos.

Produção da Cybertruck

A expectativa da Tesla é iniciar a produção da Cybertruck em 2021. No entanto, segundo o site especializado Electrek, a montadora ainda estuda onde deve construir uma nova fábrica que será dedicada à produção da picape. No momento, a companhia negocia pacotes de incentivos com alguns estados norte-americanos.

O veículo deve chegar ao mercado em três modelos, com alcances de 250 milhas (402 quilômetros), 300 milhas (482 quilômetros) e 500 milhas (804 quilômetros). Ele custará a partir de US$ 39.900 (cerca de R$ 212 mil em conversão direta).

 

Via: Futurism