EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Uma equipe composta por pesquisadores do Virtual Telescope Project, em Roma, e do Radiotelescópio de Arecibo, em Porto Rico, conseguiu fotografar um imenso asteroide que passará próximo à Terra em 29 de abril (próxima quarta-feira).

Conhecido como 1998 OR2 ou 52768, o asteroide tem cerca de 4 km de comprimento, 1,8 km de largura e chegará a uma distância de 6,3 milhões de quilômetros do nosso planeta, o que corresponde a cerca de 16 vezes a distância entre a Terra e a Lua.

publicidade

Embora isso seja “perto” em termos astronômicos, é distante o bastante para não representar nenhum risco de colisão com nosso planeta. O asteróide é um NEO (Near Earth Object – Objeto Próximo da Terra) classificado como “potencialmente perigoso”, mas esse termo é aplicado a quaisquer objetos com mais de 140 metros e a uma distância de menos de 7,4 milhões de km da Terra.

Em 2079 o 1998 OR2 passará ainda mais perto de nós, a 1,8 milhão de quilômetros, ou 4,6 vezes a distância até a Lua.

Por causa do seu tamanho e distância, 1998 OR2 é bastante brilhante, o que talvez possibilite que seja visto com telescópios amadores. A maior aproximação ocorrerá às 6h56 (horário de Brasília) da próxima quarta-feira, dia 29 de abril.

Astrônomos irão aproveitar a oportunidade para tirar medidas e refinar nossas técnicas para estimar o tamanho de asteroides, além de estudar a composição do 1998 OR2. Estas informações podem ser úteis no futuro, caso nosso planeta encontre um asteroide realmente perigoso.

Fonte: Science Alert