O mundo todo corre contra o tempo para desenvolver uma vacina que leve ao fim da crise causada pelo novo coronavírus. Pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, têm uma das previsões mais otimistas: acreditam que podem ter resultados ainda em 2020.

Os cientistas iniciaram os testes clínicos com humanos na semana passada e recebem investimento do governo do Reino Unido para apoiar e acelerar os experimentos. A vacina já tem até nome: ChAdOx1 nCoV-19.

publicidade

Segundo os pesquisadores britânicos, a ideia é que a fórmula faça que o organismo dos imunizados reconheça e desenvolva uma resposta imune à proteína spike. Isso vai ajudar a impedir que o novo coronavírus entre nas células humanas.