Pesquisadores na Escócia desenvolveram uma técnica que usa microlasers implantados em um coração vivo para mapear o funcionamento do coração com um nível de detalhes nunca visto antes. Primeiramente, a equipe implantou lasers minúsculos em células cardíacas individuais.

Depois, ao analisar a luz emitida por eles, pôde monitorar as contrações do músculo cardíaco. A técnica pode melhorar a compreensão sobre os problemas cardíacos e levar ao desenvolvimento de novos tratamentos.

publicidade