Pesquisadores da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, estimam que a Via Láctea seja o lar de mais de 30 civilizações extraterrestres, todas capazes de se comunicar. Eles supõem que formas inteligentes de vida em outros planetas são parecidas com as daqui, bem como levam em conta a quantidade de exoplanetas similares à Terra descobertos nos últimos anos.

Segundo Christopher Conselice, professor de astrofísica da universidade, encontrar essas civilizações depende de quanto tempo elas enviam sinais de sua existência ao espaço. Além disso, a distância média dessas civilizações é de 17 mil anos-luz, o que dificulta a detecção e a comunicação.

publicidade