EnglishPortugueseSpanish

Em mais uma das incontáveis medidas tomadas com o objetivo de promover conteúdo de qualidade na rede social, o Facebook anunciou que vai passar a priorizar artigos com reportagens originais, ao mesmo tempo que diminui o alcance de artigos sem assinatura do autor.

É mais uma ação anunciada em meio a uma campanha de diversas empresas gigantes que ameaçam parar de anunciar na rede social caso nada seja feito para diminuir a disseminação de discurso de ódio na plataforma.

publicidade

De acordo com um post no blog do Facebook, essas mudanças foram discutidas com grandes editoras e acadêmicos, e deve ser um primeiro passo para combater a desinformação na rede social.

Outro objetivo é incentivar veículos e jornalistas a produzirem e postarem grandes reportagens, furos de notícia e investigações aprofundadas no Facebook, para, assim, atingir aos bilhões de usuários da plataforma.

Da mesma forma, o Facebook vai dar menos destaque para veículos que não costumam colocar o nome dos autores na postagem – a rede social diz que quer “transparência de autoria” nos artigos compartilhados pelos seus usuários.

Assim, quando vários amigos postarem um mesmo artigo, o Facebook vai buscar ao mais original de todos para exibir no seu feed de notícias. A rede social diz que ainda discute com publishers e acadêmicos a melhor forma de definir “reportagens originais”, e vai trabalhar com o tempo para refinar a abordagem.

Via: TechCrunch