EnglishPortugueseSpanish

Facebook bloqueia contas de acusados de fake news

Redação 3 de agosto de 2020
publicidade

O Facebook voltou atrás e bloqueou perfis envolvidos no inquérito das fake news fora do Brasil. Na sexta-feira passada, Alexandre de Moraes ordenou que a rede social pagasse 1,92 milhão de reais por descumprir a decisão de bloqueio imediatamente. As contas atingidas incluem nomes como Sara Giromini, Allan dos Santos, Roberto Jefferson, Luciano Hang e outros.

O ministro intimou Conrado Leister, presidente do grupo no Brasil, a prestar esclarecimentos. Se houvesse novo descumprimento da decisão, a multa poderia subir para 100 mil reais diários por conta. Em nota, o Facebook comunicou teve de cumprir a ordem de bloqueio global das contas enquanto recorre ao Supremo Tribunal Federal.

publicidade

Os perfis dos investigados haviam sido suspensos pelo Facebook no Brasil, mas eles mudaram as configurações de localização e conseguiam publicar normalmente na rede social. Segundo o ministro, o descumprimento da decisão indica concordância com a continuidade do cometimento dos crimes em apuração. Além disso, negar-se a atender a ordem judicial é colaboração indireta para a continuidade da atividade criminosa por meio de mecanismo fraudulento.