O tempo e o acesso à infraestrutura de recarga estão entre os principais motivos pelos quais pessoas hesitam em comprar um veículo elétrico. Embora com o avanço da tecnologia muitos carros já tenham a capacidade de carregar de zero a 80% em menos de uma hora, ainda existe a demanda por métodos para aprimorar o suporte aos usuários de EVs.

Em 2013, a Tesla propôs a ideia de criar postos de trocas de bateria automatizados com capacidade de trocar células descarregadas por novos equipamentos em apenas 90 segundos. O plano, no entanto, não foi pra frente nos EUA e na Europa – afinal, as baterias de veículos elétricos são objetos complexos e funcionam com tensões perigosamente altas.

publicidade

A montadora chinesa NIO, porém, investiu na proposta e neste ano chegou a marca de 500 mil trocas de baterias. A companhia montou estruturas equipadas com máquinas guiadas por laser que retiram a estrutura inferior do carro, removem cuidadosamente a bateria velha e adicionam um novo componente.

Para finalizar, as ferramentas reposicionou as peças do veículo. O processo demora em torno de três minutos. A companhia publicou um vídeo informativo para retratar a troca de bateria de um modelo ES8, que conta com célula de 100 kWh alcance de até 580 quilômetros. Assista abaixo: 

De acordo com o clipe, para agendar a troca, usuários devem solicitar o serviço por meio de um aplicativo da fabricante. Ao comparecer ao local, o condutor deixa o carro nas mãos de um funcionário da NIO, que estaciona o veículo dentro da estrutura da empresa para garantir que nenhum equipamento seja danificado.

A troca de bateria é gratuita para clientes diretos da montadora. Já para quem adquire carros por meio de terceiros ocorre a cobrança de uma taxa por kWh. O valor é definido de acordo com a diferença entre o kWh da nova bateria e da velha. Ou seja, se a bateria o carro do cliente ainda apresentar 20 kWh no momento do serviço, essa quantia será subtraída dos 100 kWh do novo equipamento. O valor cobrado, portanto, será referente a 80 kWh.

Como lembra o The Next Web, em comparação com a recarga de veículos por carregadores, a troca de bateria pode parecer bastante elaborada. Por outro lado, ela oferece vantagens: o EV pode ser recarregado por completo em alguns minutos e o método também contribui com o aprimoramento da vida útil do carro.

Via: The Next Web