O Google sempre celebra os feriados nacionais nos países onde atua (ou seja, quase todos) com doodles comemorativos. No Brasil não é diferente, e neste 7 de setembro a empresa mudou sua página inicial no País para homenagear o Dia da Independência. O desenho tem como inspiração o uniforme militar do primeiro imperador, Dom Pedro I, com as cores da bandeira nacional.

Mas não é só por aqui que o Google mudou de cara. Nesta segunda-feira (a primeira de setembro) também é celebrado nos Estados Unidos o Dia do Trabalho. “Em homenagem a este feriado nacional, o doodle de hoje destaca apenas algumas das inúmeras profissões em que cada uma desempenha um papel vital em nossa sociedade”, escreve a empresa.

publicidade

Google/Reprodução

Doodle do Dia do Trabalho (Labor Day) nos Estados Unidos. Imagem: Google/Reprodução

Coreia do Sul e Japão ainda ganharam uma página inicial comemorativa do 118º aniversário de Kim Sowol, poeta coreano, nascido em 1902 na atual província de Pyongan, na Coreia do Norte. “O Prêmio Sowol de Poesia anual, estabelecido em 1987 em homenagem a Kim Sowol, é considerado um dos prêmios mais prestigiosos da poesia coreana”, explica o Google, que convidou o artista Eusong Lee para fazer o desenho.

Google/Reprodução

Doodle comemorativo do 118º aniversário do poeta coreano Kim Sowol. Imagem: Google/Reprodução

O conceito do doodle nasceu em 1998, quando os fundadores da empresa, Larry Page e Sergey Brin, mudaram o logotipo do Google para indicar que participariam do festival Burning Man, no deserto de Nevada, portanto fora do escritório naquela semana. O desenho de um boneco palito atrás do segundo “o” da palavra Google foi a primeira ideia de mudar o logotipo da empresa para celebrar eventos notáveis.

Desde então, mais de quatro mil doodles foram criados na página inicial da empresa em todo o mundo. Um grupo de funcionários se reúne regularmente para ter ideias e decidir quais eventos serão comemorados com um doodle. “O processo de seleção procura celebrar eventos e aniversários interessantes que refletem a personalidade do Google e seu amor pela inovação”, explica a empresa.

Todos os desenhos já criados, as datas que foram ao ar e suas explicações estão disponíveis no Arquivo de Doodles do Google.