EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A fabricante estadunidense de chipsets para celulares Qualcomm confirmou ontem (7) que realizará um evento no dia 1º de dezembro de 2020, e a expectativa é que ela anuncie o processador Snapdragon 875. Entretanto, segundo uma informação do site Digitimes, a empresa deve aproveitar o evento para “algo mais”: mostrar um smartphone gamer de fabricação própria.

É importante ressaltar que, no presente momento, é impossível confirmar a veracidade das informações de maneira independente, então recomendamos o exercício da cautela por enquanto. Até mesmo porque não há muitos detalhes disponíveis no que conta o Digitimes: o site limita-se a citar “fontes na indústria” para afirmar que a Qualcomm lançará seu próprio smartphone por meio de uma parceria com a “Asustek Computer Inc.”. Você deve reconhecer a empresa pelo seu nome mais público: “ASUS”.

publicidade

Por menos detalhes que a notícia traga, existe um certo fundamento na informação: a ASUS é uma parceira de longa data da Qualcomm, sempre usando os processadores Snapdragon mais poderosos em sua própria linha de smartphones gamer – atualmente, a ASUS vem trabalhando com o ROG Phone II, que traz um Qualcomm Snapdragon 855+, e sua receptividade no mercado é amplamente positiva. E o ROG Phone III já tem até homologação pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Snapdragon 875: melhor desempenho e velocidade 5G

Enquanto o novo celular ainda é uma incógnita, as especulações em torno do novo processador já trazem maior densidade: a expectativa pelo novo chip é majoritariamente firmada pelo seu provável suporte à conexão 5G. O atual modelo comercializado da Qualcomm – o Snapdragon 865 – não conta com esse diferencial, apesar de a empresa já ter altas promessas nesta seara, incluindo até o Brasil nisso.

Se de fato a Qualcomm lançar um novo processador ‘flagship’, ou seja, um modelo topo de linha, é quase certo que ele encontre abrigo nos principais smartphones premium do mundo. Um dos nomes mais óbvios é o da Samsung, que deve apresentar o Galaxy S30 em algum momento de fevereiro de 2021 e, muito provavelmente, já com o novo processador.

publicidade

Imagem: Qualcomm/Divulgação

Mais além, a Qualcomm também deve usar a ocasião para apresentar processadores intermediários, para o mercado de smartphones de entrada e “meio de linha”. Até o momento, porém, não se sabe se eles serão chipsets completamente novos, ou versões atualizadas de modelos que já estejam no mercado.

Fonte: Digitimes, via Gizchina