EnglishPortugueseSpanish

Satélite com inteligência artificial vai filtrar nuvens de imagens

Redação 26 de outubro de 2020
publicidade

Nuvens podem escurecer fotos tiradas de satélites. Para evitar isso, a Intel fez uma parceria com a Agência Espacial Europeia e a startup Ubotica e criou o primeiro satélite com inteligência artificial a orbitar a Terra.

O aparelho foi denominado CubeSat PhiSat-1 e tem o tamanho de um desktop. A ideia é que ele colete um grande número de imagens de partes visíveis do espaço. Em seguida, as fotos cobertas pelas nuvens serão filtradas com o uso da inteligência artificial.

publicidade

Para que o dispositivo funcione da forma planejada, a inteligência artificial foi treinada para distinguir o que é e o que não é nuvem. A equipe usou dados de missões espaciais existentes para filtrar as que contêm nuvens.

As imagens são captadas por milhares de espectros de uma vez com uma câmera hiperespectral. Depois, são processadas pelo chip Intel Movidius Myriad 2. Os testes já foram concluídos e agora o grupo trabalha para colocar o equipamento em órbita.

publicidade