EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Microsoft decidiu intensificar os esforços contra o Zoom. A empresa decidiu promover o Teams de uma forma mais agressiva neste fim de ano, oferecendo a possibilidade de realização de chamadas de vídeo em grupo com até 300 participantes gratuitamente, com uma duração de até 24 horas.

A funcionalidade poderá ser usada até mesmo por quem não tem uma conta da Microsoft, e os participantes poderão acessar a sala por meio de um link, diretamente pelo navegador, sem precisar instalar o app do Teams.

publicidade

O Teams também permitirá até 49 participantes no modo de visualização em galeria, ou no modo Juntos, que coloca todos os participantes lado a lado, como se estivessem em uma plateia virtual.

O anúncio chega no momento perfeito para rivalizar com o Zoom, que viu seus negócios alavancados durante a pandemia e se tornou rapidamente líder em videoconferências. O app havia anunciado a suspensão dos limites de 40 minutos para contas gratuitas durante o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos (26 de novembro), para permitir que famílias e amigos se comuniquem livremente, mesmo à distância. 

publicidade

Ao contrário do Zoom, no entanto, o Teams não estabelece um prazo para quando a “promoção” valerá. A Microsoft diz que será possível realizar videochamadas gratuitas de 24 horas de duração ao longo dos “próximos meses”, então é provável que todo o período de festas de fim de ano estarão inclusos, e não apenas o Dia de Ação de Graças.

Apenas o criador da sala precisa ter uma conta da Microsoft. Para criar, será necessário entrar no site do Teams e a partir de então será possível gerar o link para a sala, onde todos os contatos poderão se encontrar acessando o endereço no celular ou no PC.