EnglishPortugueseSpanish

 

Com dois novos aparelhos no mercado nacional, a Motorola apresentou a linha Edge, primeira no Brasil compatível com a tecnologia 5G¹ ², em julho deste ano. A família de dispositivos premium traz duas versões: o Edge+ e o Edge, ambos com promessa de alto desempenho devido ao processador Snapdragon embarcado e com tela curva nas laterais.

Além da compatibilidade com a rede 5G¹ ², um dos destaques da linha Motorola Edge é o design diferenciado. As telas OLED dos aparelhos têm bordas curvas nas laterais. Interessante, como mais uma inovação em um smartphone premium, a Motorola equipa a linha Edge com proteção contra toque acidental. Assim, previne que o usuário deslize um menu ou selecione algo por engano tocando as bordas curvas do display.

Aliás, a Motorola adicionou algumas funcionalidades para a tela de borda curva. Por exemplo, ao deslizar o dedo para cima na borda é possível acessar os aplicativos acessados recentemente; ao deslizar para baixo, as últimas notificações são exibidas.

A ergonomia da tela curva

A principal vantagem de uma tela de borda curva é que faz com que o telefone seja confortável na mão. O vidro arredondado e a proporção 21:9, se encaixa perfeitamente na palma da mão oferecendo maior ergonomia.

Reprodução

Motorola Edge e Motorola Edge+ são confortáveis na mão, pois se encaixam perfeitamente

A sensação do aparelho nas mãos é uma métrica frequentemente esquecida para avaliar um smartphone. Neste caso, a Motorola marca pontos com a nova linha Edge.

Ferramentas especiais para jogos

Quem gosta de jogar no smartphone, certamente considera comprar um aparelho que não trave enquanto estiver usando. Mas nem todo celular específico para gamers são bons para qualquer coisa.
O Motorola Edge e o Edge+, por conta de suas especificações, podem ser utilizados para diversos fins sem preocupação.

Ainda assim, para os amantes do game mobile, a curvatura da tela dos aparelhos, juntamente com o modo gametime oferecida pela Motorola, pode ser configurada, por exemplo, para funcionarem como gatilhos digitais. Assim, o jogador pode tocar nas bordas para realizar ações no jogo. Uma forma inovadora de trazer funções gamers a um aparelho que não é predominantemente voltado para jogadores.

Reprodução

Smartphones da linha Motorola Edge oferecem ótimo desempenho para jogos

Motorola Edge
O Motorola Edge possui chipset Snapdragon 765. Além disso, tem 6 GB de RAM, 128 GB³ de armazenamento interno, bateria de 4.500 mAh com carregador TurboPower™ que pode durar até dois dias longe4 da tomara e fone de ouvido.

Com um sistema de câmera tripla com sensor principal de 64 MP, além de uma câmera teleobjetiva e outra híbrida ultra-wide que permite enquadrar até 4 vezes mais da cena e modo macro para se aproximar 5 vezes mais da pessoa ou do objeto. O smartphone também conta com som estéreo.

Motorola Edge+
A versão mais completa da linha, o Motorola Edge+, tem o sensor principal de câmera com 108 MP de resolução, tem o processador Snapdragon 865,GPU Adreno 650, 256 GB³ de armazenamento interno, 12 GB de RAM e som estéreo.

Modelo Thunder Grey 256GB
Clique aqui para ofertas.

Modelo Solar Black 128gb
Clique aqui para ofertas.

Modelo Midnight Red 128gb
Clique aqui para ofertas.

¹ Requer SIM (chip) 5G habilitado. Consulte a operadora sobre a disponibilidade do plano de dados, o preço e a área de cobertura disponível.
² O motorola edge+, smarthone top de linha da Motorola, está pronto para o futuro. Ele é compatível com a tecnologia 5G já disponível no Canadá, México e alguns países da Europa. No Brasil, funcionará na futura frequência da tecnologia 5G que ainda será leiloada e implementada no País.
³ A capacidade indicada corresponde à memória total (bruta) não formatada. A capacidade de armazenamento interna disponível para o usuário é menor.
Todas as informações referentes à duração da bateria são estimativas e baseiam-se em um usuário regular testado em um perfil de uso misto (que inclui o tempo de uso e de espera) em condições ótimas de rede. O desempenho real da bateria pode variar e depende de muitos fatores, como intensidade do sinal, configurações do dispositivo e da rede, temperatura, condição da bateria e padrões de uso.