EnglishPortugueseSpanish

Vacina da Pfizer pode ser “excluída” do Brasil

Redação 1 de dezembro de 2020
publicidade

O Ministério da Saúde estipulou, nesta terça-feira, os parâmetros minimamente aceitáveis para utilização das vacinas contra a Covid-19 no país. As medicações a serem utilizadas devem ser capazes de manter suas integridades em temperaturas entre 2 e 8 graus Celsius. Por causa dessas diretrizes, é possível que a vacina da farmacêutica norte-americana Pfizer, desenvolvida em conjunto com a alemã BioNTech, possa ficar de fora da lista de imunizantes contra a doença no país.


 A solução exige manutenção sob resfriamento mínimo de -70 graus. Segundo a Pfizer, a sua vacina tem eficácia de até 95% no tratamento contra a Covid-19Aa Pfizer já pediu pelo registro de sua vacina nos EUA e Europa – ambas as solicitações ainda estão pendentes junto às autoridades sanitárias de cada região.

publicidade