EnglishPortugueseSpanish

Gigantes da tecnologia na mira do governo dos EUA

Redação 15 de dezembro de 2020

Nesta segunda-feira, a Federal Trade Commission, a FTC, dos Estados Unidos, órgão que é responsável por fiscalizar a segurança de dados corporativos, anunciou a abertura de um novo inquérito judicial sobre práticas de privacidade contra plataformas de redes sociais e gigantes ligadas à tecnologia.


O processo envolve empresas como Facebook, WhatsApp, Twitter, YouTube, Amazon e ByteDance — controladora do TikTok. A investigação foi aprovada pela comissão por 4 votos a 1.

publicidade


O órgão norte-americano exige que as companhias informem como coletam e utilizam dados fornecidos pelos usuários, como as informações pessoais determinam os anúncios e conteúdos para cada indivíduo, e se aplicam algoritmos ou análise de dados às informações coletadas.


O inquérito aberto pela FTC faz parte de uma grande ação investigativa do órgão e não serve a propósitos específicos de aplicação da lei. No entanto, a FTC poderá exigir ações de fiscalização mais duras caso encontre práticas ilícitas durante as apurações. As companhias terão cerca de 45 dias para responderem ao inquérito.