Na manhã desta segunda-feira, o Ministério da Saúde anunciou o envio das 4.636.936 doses do primeiro lote de vacina CoronaVac aos Estados brasileiros. Até as 17h, todos receberam as unidades destinadas a sua região.

O comunicado foi feito em reunião com a imprensa em que não foram permitidas perguntas. O ministro Eduardo Pazuello estava acompanhado de governadores de todo o país. Todos os participantes da comitiva estavam de máscara, mas se aglomeraram em volta de uma mesa.

publicidade

O primeiro avião carregado com CoronaVac foi enviado a Goiânia, Teresina e Fortaleza. Agora que chegaram a todas as capitais brasileiras, as doses de CoronaVac serão distribuídas aos municípios com apoio do Ministério da Defesa.

O ministério havia programado o início da campanha de vacinação simultaneamente em todo o território nacional para quarta-feira (20). Um pedido dos governadores fez o ministro mudar de ideia e alterar o cronograma.

As primeiras doses da vacina CoronaVac foram aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, para uso emergencial na tarde de domingo. O Estado de São Paulo iniciou a vacinação logo após a decisão e aplicou o imunizante em 112 profissionais de saúde no Hospital das Clínicas, o HC, na capital paulista.

Nos próximos dias, mais de 20 mil trabalhadores da saúde devem receber a CoronaVac no HC. Durante esta semana, os postos de vacinação vão funcionar das 7h às 19h diariamente e os pacientes serão atendidos em ordem alfabética. A segunda dose do medicamento deve ser aplicada 21 dias após a primeira.