EnglishPortugueseSpanish

Diversos clientes da operadora Claro estão enfrentando problemas de conexão nesta quarta-feira (20). Nas redes sociais, os usuários relatam problemas tanto nas conexões domésticas de internet quanto nas redes móveis 3G e 4G. No entanto, os mais afetados parecem ser os consumidores do serviço Claro Flex.

No Twitter, foram registradas diversas reclamações contra o serviço da operadora.

publicidade

Segundo o site Downdetector, a Claro tem apresentado diversos problemas de conexão desde às 10h. As queixas parecem ter diminuído a partir das 16h, com alguns usuários relatando o restabelecimento de sinal.

O mapa de calor do site indica que os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás (Brasília), Curitiba e Porto Alegre são as principais regiões afetadas.

publicidade
Site identificou focos de problemas com a operadora em diversos estados do país. Foto: Downdetector/Reprodução

No site da Claro, há um aviso de manutenção de rede marcado para esta quarta-feira. Segundo o comunicado da companhia, o reparo foi iniciado à meia-noite de hoje, devido à “instabilidade e/ou interrupção de algumas antenas que atendem aos serviços 2G, 3G e 4G”, finalizando às 6h.

A operadora informou ainda que os clientes podem encontrar dificuldades durante a realização de chamadas, acesso à rede de dados e outros serviços da Claro.

De acordo com um usuário do Twitter, a Claro havia estipulado um prazo até o começo da tarde para que os sinais fossem restabelecidos.

Em nota ao Olhar Digital, a assessoria de imprensa da companhia informou que a única falha detectada foi no segmento Claro Flex, mas já foi solucionada. “A Claro informa que o Claro Flex está funcionando normalmente. Devido a uma instabilidade em um dos servidores da plataforma, alguns clientes podem ter enfrentado dificuldades para utilizar as redes de voz e dados. A Claro reforça que suas equipes técnicas atuaram imediatamente para a normalização dos serviços no menor tempo possível”.

Ainda segundo informações no site da Claro, outras manutenções estão programadas até o fim de janeiro e os clientes poderão encontrar dificuldades ao utilizarem alguns serviços.

**Atualizado em 20/01, às 17h26