EnglishPortugueseSpanish

Acordo secreto com o Google beneficiou o Facebook em publicidade online

Redação 25 de janeiro de 2021

Mais evidências surgiram contra o Google no processo antitruste movido contra a empresa por vários estados nos Estados Unidos.

Documentos anexados ao processo pelo escritório do procurador-geral do Texas mostram que Google e Facebook tinham um acordo secreto.

publicidade

O material aponta ainda que os termos do pacto seriam bastante “generosos” e beneficiavam a empresa de Mark Zuckerberg na compra de propaganda online.

Conhecido pelo codinome “Jedi Blue” dentro do Google, o acordo é relacionado a um segmento do mercado de publicidade online chamado “Mídia Programática”.

Quando um usuário clica em um link para uma página, sistemas conhecidos como “Ad Exchanges” funcionam como uma casa de leilões, ofertando os espaços de publicidade disponíveis.

Segundo o processo, o Facebook tinha relações de faturamento direto com os sites onde os anúncios iriam aparecer.

publicidade

Para a maioria dos outros parceiros, o Google controlava as informações de preços, colocando efetivamente uma barreira entre eles e os proprietários dos sites e escondendo o quanto os vencedores das licitações acabavam recebendo.

Os documentos apontam ainda que o Google concordou em ajudar o Facebook a ter um melhor entendimento de para quem os anúncios seriam mostrados, ajudando a empresa a identificar 80% dos usuários móveis e 60% dos usuários da web.

Uma porta-voz do Google disse que, assim como os outros parceiros, o Facebook deveria dar o lance mais alto para ganhar um leilão.

As duas empresas negam que o acordo seja anticompetitivo, mas os termos incluem uma cláusula que exige que ambas “cooperem e se ajudem” caso sejam investigadas sobre sua parceria.