EnglishPortugueseSpanish

YouTube agora proíbe vídeos ensinando a “piratear” conteúdo

Redação 26 de janeiro de 2021

O YouTube modificou seus termos de uso, e agora proíbe a publicação de vídeos que ensinam o público a acessar plataformas de streaming sem pagar ou a piratear jogos e softwares.

A mudança foi revelada em um relatório enviado ao parlamento inglês detalhando as medidas anti-pirataria adotadas pela empresa. Uma das principais frentes é o combate aos “stream rippers”, sites que permitem baixar conteúdo do YouTube e outros serviços.

publicidade

Comparando as antigas diretrizes da comunidade com as novas, um detalhe se destaca: a plataforma agora proíbe explicitamente também vídeos relacionados a “trapaças”.

Ou seja: conteúdo que mostra aos espectadores como roubar bens tangíveis ou promove comportamento desonesto.

O YouTube ainda está repleto de tutoriais sobre pirataria, mas esta modificação permite à empresa agir contra vídeos que não infringem diretamente os direitos autorais de um produtor de conteúdo.

publicidade