EnglishPortugueseSpanish

Cientistas detectam pela primeira vez um furacão espacial

Redação 8 de março de 2021

Uma equipe internacional de cientistas, liderada pela Universidade de Shandong na China, detectou pela primeira vez na história um furacão espacial.

O fenômeno aconteceu na atmosfera superior do polo norte da Terra. Até então, apenas furacões na baixa atmosfera haviam sido registrados.

publicidade

De acordo com o estudo publicado no Nature Communications no último dia 22 de fevereiro, o furacão espacial que aconteceu no dia 20 de agosto de 2014 durou quase 8 horas. Ele foi registrado por quatro satélites do Defense Meteorological Satellite Program, um programa de monitoramento do Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

O furacão era invisível a olho nu e tinha a forma de um funil com um “olho” silencioso no centro, cercado por vários braços espirais de plasma girando no sentido anti-horário. Em vez de chover água, o furacão espacial fez chover elétrons diretamente na alta atmosfera da Terra.