EnglishPortugueseSpanish

A Caixa Econômica Federal libera nesta quarta-feira (31) a atualização dos dados cadastrais do Caixa Tem para quem nasceu em dezembro. A Caixa, no entanto, explica que a atualização não é obrigatória e as pessoas que tiverem direito ao auxílio emergencial ou outro benefício social poderão receber mesmo sem fazer a alteração.

O procedimento poderá ser feito através do celular, oferecendo maior conforto e segurança aos usuários, que não precisarão ir até uma agência do banco.

publicidade

O cronograma do calendário começou a valer no domingo, dia 14 de março, para os nascidos em janeiro e vai até o dia 31 de março, quando os nascidos em dezembro devem entrar no aplicativo e atualizar suas informações. Confira abaixo a tabela completa.

Caixa Tem libera atualização cadastral para nascidos em fevereiro. Imagem: Reprodução/Caixa Econômica Federal

Para realizar a atualização basta acessar o aplicativo e seguir as orientações. O usuário deve clicar em “Atualizar cadastro” e enviar a documentação solicitada, geralmente fotos dos documentos pessoais (RG, CPF, comprovante de residência) e também um registro no estilo selfie junto a documentação. A CNH também é válida.

Em 2020, o Caixa Tem foi utilizado por milhões de brasileiros para receber o auxílio emergencial do governo federal, que tem como objetivo ajudar a amenizar os impactos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus. A Caixa abriu mais de 105 milhões de Contas Poupança Social Digital no último ano de forma gratuita, o que promoveu a inclusão social e financeira de 35 milhões de brasileiros que nunca tiveram contas em banco. Com isso, ele acabou se tornando o software mais baixado de 2020 no Brasil, com 303,8 milhões de downloads.

Além disso, o aplicativo acabou servindo para a realização de outros pagamentos do governo, como o BEm (Benefício Emergencial), pago a quem teve o salário reduzido, o abono salarial do PIS/Pasep, o saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e também aos beneficiários do Bolsa Família.

Leia mais!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!