EnglishPortugueseSpanish

Starlink quase pronta: Foguete da SpaceX decola com mais 60 satélites da rede mundial de Elon Musk

Redação 07/04/2021 23h07, atualizada em 07/04/2021 23h40

A SpaceX lançou com sucesso nesta quarta-feira a missão Starlink-24, carregando mais um lote de 60 satélites para a constelação Starlink, que vai fornecer acesso global à internet em banda larga.

O foguete Falcon 9 decolou da base em Cabo Canaveral, na Flórida, à uma e 34 da tarde no horário de Brasília. O primeiro estágio usado foi o B1058, que já voou seis outras vezes.

publicidade

Nove minutos após o lançamento ele foi recuperado com sucesso, pousando na balsa autônoma “Of Course I Still Love You”.

Só nos três primeiros meses deste ano, a SpaceX realizou oito lançamentos, e colocou 430 novos satélites em órbita. Agora, já são 1.380 satélites Starlink em operação.

A empresa espera oferecer conectividade global total quando 1.680 satélites estiverem em órbita. Então faltam apenas 300!

Mas, ainda não há previsão para o serviço Starlink sair do status de testes.
Inicialmente o serviço vai ser oferecido nos Estados Unidos, Reino Unido e Canadá, e dependendo da região a previsão de início é para o segundo semestre deste ano ou só em 2022.

Desde o início de fevereiro a Starlink aceita reservas de brasileiros para acesso ao serviço, com uma taxa de 99 dólares, cerca de 550 reais.
Mas um aviso no site da empresa informa que a reserva não é garantia de serviço, e que pedidos podem demorar seis meses ou mais para serem atendidos.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!