A Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou, nesta terça-feira, o uso emergencial de um medicamento para o tratamento da Covid-19. O coquetel chamado de Regn-CoV2 possui a combinação de dois anticorpos monoclonais, o casirivimabe e imdevimabe.

Os medicamentos devem ser utilizados em pacientes com quadros leves e moderados da doença, nos adultos e crianças a partir de 12 anos com infecção confirmada por laboratório e com alto risco de progredir para formas graves da doença.

publicidade

O medicamento aplicado por infusão intravenosa é restrito apenas a uso hospitalar e a venda é proibida no comércio.

A Anvisa ressalta, que os anticorpos autorizados não previnem a doença. E, é importante lembrar que o medicamento não substitui as vacinas contra a Covid-19.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!