Em um acordo histórico, o Uber reconheceu nesta semana a sindicalização de motoristas que atuam no Reino Unido, garantindo assim, mais proteção aos trabalhadores.

A partir de agora, os motoristas vão poder contar com uma negociação coletiva, com direito a salário mínimo e muitos outros benefícios.

publicidade

A conquista é consequência de vários rounds nos tribunais travados com o Uber nos últimos anos no Reino Unido.

Apesar dessa vitória judicial ser válida apenas em territórios britânicos, ela abre precedentes para que sindicatos de diversos países consigam a mesma conquista.

Aqui no Brasil, há um projeto de lei em tramitação no senado. O PL 974 de 2021 inclui na Consolidação das Leis do Trabalho que motoristas de aplicativos, como Uber e iFood sejam assegurados com direitos trabalhistas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!