A goleira da Seleção Brasileira de Futebol, Bárbara Barbosa, tem sido alvo de críticas por seu desempenho tanto em campo como na internet, já que se envolveu em uma treta da delegação brasileira em Tóquio, a atleta é conhecida nos bastidores da equipe como de difícil orientação sobre questões relacionadas ao uso de redes sociais.

Isso porque há direcionamentos promovidos pela CBF sobre a utilização da internet em momentos de competição. Às vésperas do confronto entre Brasil e Canadá nas quartas de final, Bárbara discutiu no Instagram com a atleta paralímpica Andrea Pontes, da canoagem.

publicidade

Até o momento, a CBF e a coordenação da seleção feminina não se manifestaram sobre o ocorrido. O desentendimento começou quando a canoísta sugeriu, em um comentário, que Bárbara fosse substituída por Babi Arenhart, do handebol. No comentário, Andrea diz que, dessa maneira, ficaria “tudo resolvido, Brasil campeão”, e completou com risadas.

Leia mais:

Foi então que a crítica não foi bem aceita pela goleira, que perguntou o motivo de Andrea não ficar no lugar dela e questionou a competência da atleta nas participações em paralimpíadas. “Cada um com suas limitações”, disse Bárbara.

Na sequência, a goleira, que já vem tendo seu desempenho criticado pela torcida, disse que Andrea Pontes não é “ninguém na vida” e “só mais uma querendo chamar atenção”. Ela finaliza os comentários recomendando que a canoísta treine por outra categoria para tentar estar nos jogos, e, mais uma vez, a chama de “incapaz”.

Porém, a briga entre as duas continuou através de mensagens diretas recebidas por Andrea, printadas e publicadas nos stories. Inclusive, Bárbara perguntou se Andrea “acha que só porque é deficiente pode falar o que quer”. Os comentários da goleira repercutiram bastante nas redes, sobretudo pelo ataque à condição física de Andrea.

Veja a repercussão:

Fonte: O Globo

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!