A Walt Disney Company é uma corporação gigantesca, que reune vários estúdios e canais, como a Pixar, Marvel, Lucasfilm e ESPN. Diante dessa enorme diversidade, fica mais fácil entender o motivo de dividir os conteúdos em duas empresas de streaming.

O Star+ chegou agora no mercado brasileiro para concentrar as produções dirigidas ao público adulto, com classificação indicativa para maiores de 16 e 18 anos.

publicidade

Isso quer dizer que as produções que não são vistas no Disney+ vão estar disponíveis no novo streaming, como por exemplo os filmes ‘Deadpool’, e ‘Bohemian Rhapsody’, e animações, como todas as temporadas dos Simpsons, inclusive a mais recente, além de esportes ao vivo via ESPN.

A parte nem tão boa é que isso representa mais um custo pra quem quiser ter acesso ao catálogo completo da Disney: A assinatura mensal do Star+ custa 32,90 reais, ou 329,90 na opção anual. Quem já é assinante do Disney+ pode optar pelo Combo+, que une as duas assinaturas por 45,90 reais mensais, uma economia de 25% comparada com a assinatura individual dos dois streamings.

A empresa começa a receber novos usuários a partir desta terça-feira, e as assinaturas podem ser feitas pelos canais oficiais na internet.

Veja todos os detalhes sobre a programação do novo canal no nosso site, olhardigital.com.br e boa diversão!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!