O novo PlayStation 5 da Sony é mais leve, graças a mudanças no sistema de ventilação, mas não apresenta nenhuma desvantagem em relação ao desempenho na comparação à versão de lançamento.

O veredito veio depois de testes extensivos feitos pelos canais de Youtube gamers Digital Foundry e Gamer’s Nexus. As análises foram feitas após as polêmicas afirmações do influencer Austin Evans, que mostrou que a perda de peso do atual modelo veio quase que inteiramente do elemento de refrigeração do console.

publicidade

Já era esperado que o console passasse a funcionar em temperaturas maiores no modelo novo, mas a mudança é de apenas alguns graus centígrados. Isso, segundo os testes, não afetou o desempenho.

Isso pode parecer um detalhe sem muita importância, mas os rumores de que a máquina nova pudesse esquentar radicalmente causou preocupação entre os consumidores. Alguns até começaram um movimento de procura pelos PS 5 da primeira geração, que teriam a desvantagem de ser mais pesados, mas com um sistema de resfriamento mais eficiente.

Inclusive alguns modelos desses apareceram em sites de venda, sendo oferecidos por preços maiores.

Os testes realizados devem pôr fim aos rumores, já que os resultados mostraram que não há diferenças entre os consoles, pelo menos não uma que provoque a recomendação pela procura do hardware mais antigo. Como a crise dos chips ainda causa atrasos na linha de produção do PlayStation 5, a procura continua sendo maior que a oferta…

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!