Dois dos modelos mais aguardados pelos clientes da Tesla, o Cybertruck e o novo Roadster, só devem começar a sair das fábricas em 2023!

O atraso foi anunciado pelo próprio Elon Musk, na reunião anual de acionistas da montadora. Os motivos são bem conhecidos: a pandemia, e a crise mundial dos chips.

publicidade

O novo Tesla Roadster tinha a previsão inicial de lançamento em 2020, mas foi adiado para receber novos motores e baterias.

O Cybertruck deveria começar a ser produzido no final deste ano.

Os dois modelos dependiam da abertura da Gigafactory em Berlim, que também atrasou. A fábrica deve ser inaugurada em breve, mas, inicialmente, vai produzir o Model Y. O supercarro e a caminhonete cheia de ângulos vão vir na sequência.

Mas o anúncio do atraso foi feito de forma otimista: Musk disse que muito provavelmente o que veremos é a produção do Cybertruck no próximo ano e então atingiremos a produção de volume em 2023, e o mesmo vale para o Roadster.

O preço estimado para a primeira edição do esportivo elétrico é de 250 mil dólares, cerca de um milhão e 400 mil reais. Ele promete fazer de 0 a 100 km/h em menos de 2 segundos, e atingir 400 km/h.

Rápido, mas só depois de sair da linha de montagem…