Todo mês de outubro, a Terra atravessa a nuvem de detritos deixada pelo Cometa Halley. Quando essas partículas atingem nossa atmosfera, ocorre a Oriónidas, uma chuva de meteoros de média intensidade que pode ser vista de todo Brasil se as condições meteorológicas permitirem.

Esse ano, a máxima da chuva ocorre na noite entre 20 e 21 de outubro. Os orionídeos já vão poder ser vistos a partir das 22 horas desta quarta-feira. Mas o melhor horário para observar o fenômeno, se a Lua Cheia não ofuscar a visualização, vai ser entre meia noite e às 4h da madrugada.

publicidade

Os fragmentos dos orionídeos atingem a Terra numa velocidade média de 67 quilômetros por segundo, o que gera meteoros muito rápidos e luminosos, alguns deles, inclusive, deixam até uma trilha ionizada no céu.

Na noite entre 21 e 22 de outubro também vai ser possível ver uma boa quantidade de meteoros dessa chuva, só que com menor intensidade.

Não é necessário de nenhum equipamento nem instrumento óptico para ver o fenômeno. É só se acomodar em um local escuro que tenha uma boa visibilidade do céu e ter disposição para ficar acordado.

Ah, e também torcer para que o céu esteja sem nuvens, claro!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!