Uma falha no Amazon Web Services (AWS), serviço de computação em nuvem da Amazon que é a espinha dorsal de várias empresas, derrubou ou prejudicou o acesso a vários serviços na tarde desta terça-feira (7).

Segundo o site DownDetector, o número de reclamações começou a aumentar a partir das 12h36 (horário de Brasília). Simultaneamente, também começaram a aumentar as reclamações sobre instabilidade em serviços como a Amazon, Disney Plus, League of Legends, Valorant, Canva, Prime Video e serviços nacionais, como o C6 Bank e iFood.

publicidade
Vários serviços começaram a apresentar problemas no mesmo momento que o Amazon Web Services: Imagem: DownDetector/Reprodução

Pelo Twitter, a conta oficial do Valorant confirmou que estava ciente da “instabilidade” em seus servidores, mas que o problema já foi resolvido. Em nota oficial, o iFood também reconheceu a falha na AWS:

O iFood informa que o Amazon Web Services (AWS), principal plataforma de gerenciamento de serviço da empresa, vem registrando, ao longo do dia de hoje, uma crescente taxa de erros em alguns dos seus serviços. Essa instabilidade provocou impacto em parte dos serviços prestados pela plataforma do iFood. O time de tecnologia do iFood adotou um plano de contingência para garantir os serviços de ponta a ponta e acompanha de perto, junto à AWS, o desdobramento das ações para a solução completa do problema.

Não é a primeira vez que a AWS apresenta erro

O Amazon Web Services já apresentou uma falha dessa magnitude em novembro de 2020, gerando queda nos serviços on-line. Na época, a Amazon destacou que a instabilidade atingiou principalmente a API Kinesis Data Stream, causando, como consequência, falhas em vários recursos que dependem dela.

Segundo o comunicado mais recente, isso inclui ACM, Amplify Console, API Gateway, AppMesh, AppStream2, AppSync, Athena, AutoScaling, Batch, CloudFormation, CloudTrail, CloudWatch, Cognito, Connect, DynamoDB, EventBridge, IoT Services, Lambda, LEX, Managed Blockchain, Marketplace, Personalize, Resource Groups, SageMaker, Support Console, Well Architected e Workspaces.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!