O CEO da Tesla e da SpaceX parece não ser muito adepto à ideia do metaverso. Em uma entrevista para o site de sátira conservador The Babylon Bee, Elon Musk disse que a tecnologia é desconfortável e que as pessoas estão longe de desaparecer no metaverso.

Musk comparou a ideia de entrar no metaverso com colocar uma TV no nariz, dizendo que, mesmo assim, “não tenho certeza se isso me coloca no metaverso”. Além disso, o bilionário disse que não é adepto de “amarrar uma maldita tela no rosto o dia todo e não querer sair nunca”.

publicidade

Como alternativa e até fazendo um pouco de marketing, o CEO da Tesla ofereceu o que considera uma alternativa melhor: implantar um chip cirurgicamente no cérebro, algo que a empresa Neuralink, a qual ele cofundou, faz.

O empresário disse que, “a longo prazo, um Neuralink sofisticado poderia colocá-lo totalmente, totalmente em uma realidade virtual”.

Metaverso

A Meta, anteriormente conhecido como Facebook, deu um grande passo rumo a realidade virtual recentemente ao vender seu Metaverso como uma forma mais significativa de se conectar com outras pessoas por meio de um fone de ouvido de realidade aumentada. Mas, a ideia ainda carece de experiência, como o próprio vice-presidente da empresa para assuntos globais e comunicações, Nick Clegg, admitiu:

“Se estou levantando minha cabeça, é porque estou bebendo meu café e este fone de ouvido horrível é muito volumoso para eu beber meu café sem mover meu fone de ouvido”.

Leia mais:

Outro alvo das críticas de Musk foi o Web3, um conceito de democratizar a internet reconstruindo-a em torno do blockchain. Ele descreveu o serviço na entrevista para o Babylon Bee como “mais marketing do que realidade”.

Ainda não sabemos se a ideia do metaverso vai decolar ou vai morrer como uma modinha da Internet. Embora as tecnologias de realidade virtual tenham percorrido um longo caminho, elas ainda estão longe da maioria do público do Facebook. 

Mas, parece que a ideia de implantar um chip no próprio cérebro é mais aceitável do que um mundo paralelo para Elon Musk.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.