A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Mato Grosso do Sul junto com a Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde desenvolveu um programa educacional com vagas para 80 mil pessoas sobre o enfrentamento da epidemia da Covid-19 e outras epidemias virais.

O programa que será lançado na próxima terça-feira (15) e é totalmente gratuito. A participação não é restrita a profissionais de saúde, ou seja, qualquer um pode se inscrever.

A Fiocruz também informou que o Programa Educacional em Vigilância e Cuidado em Saúde no Enfrentamento da Covid-19 e de outras Doenças Virais (VigiEpidemia) inclui uma primeira etapa com quatro cursos autoinstrucionais e depois, dois complementares que são opcionais, contando com tutoria e certificação de especialização.

Tanto o conteúdo como os recursos educacionais foram elaborados com a participação de profissionais de diversas instituições de ensino e pesquisa. Cerca de 80 mil alunos são esperados de todo o Brasil e do total, mil poderão obter certificado de especialização do programa, pelo chamamento público.

publicidade

Leia mais:

Além disso, o lançamento do programa será realizado através de uma transmissão ao vivo na internet, que contará com uma mesa-redonda com o pesquisadores sobre o tema “A vigilância em saúde nas epidemias/pandemias: o que podemos esperar em 2022?”.

De acordo com a coordenadora da Educação da Fiocruz Mato Grosso do Sul, Debora Dupas Gonçalves do Nascimento, o objetivo do VigiEpidemia é justamente incentivar e promover a qualificação dos trabalhadores e profissionais de saúde, gestores e também os interessados na área para o combate da Covid-19 e outras epidemias no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Agência Brasil

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!