A BMW confirmou um problema grave que afeta as células de bateria dos elétricos iX e i4, componentes fabricados sob encomenda pela sul-coreana Samsung. Segundo o Autoevolution, foi a fornecedora que descobriu uma irregularidade no processo de fabricação que permitiu a entrada de detritos nas células.

Coincidentemente, em abril foi relatado à montadora alemã um acidente envolvendo um i4 modelo eDrive40, o mesmo ocorreu em junho com um iX xDrive 50 ano 2022 e dias depois com um iX M60.

publicidade

De acordo com a Administração Nacional de Segurança no Tráfego Rodoviário dos EUA, a NHTSA, em todos os casos foram identificados problemas justamente com a bateria.

BMW i4. Imagem: BMW/Divulgação

Após uma análise criteriosa, a companhia com sede em Munique, Alemanha decidiu que um recall seria necessário. A boa notícia é que até aqui apenas 83 veículos foram afetados: 56 unidades do iX e 27 do i4.

Os BMW iX que apresentam o defeito foram fabricados entre 2 de dezembro de 2021 e 30 de junho de 2022. Já os i4 foram fabricados no período de 22 de novembro de 2021 a 13 de junho deste ano. A marca ressalta que os revendedores autorizados já foram notificados com instruções para substituir as células.

Por fim, a BMW informa que vai avisar os proprietários dos veículos afetados até o dia 19 de setembro por meio de uma notificação enviada pelo correio. Enquanto isso, a recomendação é não dirigir ou carregar os EVs para evitar novos acidentes.

Veja também:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!