O sucesso de “Avatar: O Caminho da Água”, sequência do sucesso de 2009 que chega 13 anos após o original, ainda é uma incógnita. Mas o diretor James Cameron afirmou recentemente que acredita que o filme poderia ter sido um grande fracasso se tivesse saído antes.

Em entrevista ao The New York Times, mesma em que falou sobre brigas com a 20th Century Fox, James Cameron respondeu sobre preocupações sobre a distância grande entre o lançamento dos dois filmes, um intervalo de 13 anos.

publicidade

Cameron disse que teve preocupações inicialmente de que a audiência deixaria de se importar com este universo após tantos anos de sua introdução, e que não tem certeza se encontrará grande sucesso de bilheteria nos cinemas.

“Eu estava um pouco preocupado por ter esticado a corda demais, em nosso mundo moderno e acelerado, com ‘Avatar 2’ chegando 12 anos depois. Até lançarmos o trailer e conseguimos 148 milhões de visualizações em 24 horas,” ele disse. “Tem aquele pouco-visto-mas-admirado-em-princípio, que é, ‘Uau, não vemos isso há muito tempo, mas eu me lembro como era legal naquela época.’ Isso joga a nosso favor? Não sei. Acho que vamos descobrir.”

publicidade

Apesar de não ter certeza se encontrará sucesso agora nos cinemas, Cameron acha que a sequência também poderia fracassar se fosse lançada logo após o original. “Acho que poderia ter feito uma sequência dois anos depois e ser uma bomba porque as pessoas não se identificaram com os personagens ou a direção do filme”, disse ele.

Por outro lado, Cameron tem experiência em fazer sequências que saíram anos após o original, e existem exemplos recentes de sucesso. Um destes exemplos é “Top Gun: Maverick“, que chegou 30 anos após “Top Gun: Ases Indomáveis” e foi um grande sucesso de bilheteria.

publicidade

Quanto às sequências lançadas anos depois dirigidas por Cameron, temos “Aliens, O Resgate”, que chegou sete anos após “Alien – O 8.º Passageiro”, de Ridley Scott. Também houve um intervalo de sete anos entre “O Exterminador do Futuro” e sua primeira sequência. Em ambos os casos, o segundo filme teve melhor desempenho na bilheteria do que o primeiro.

Leia mais!

publicidade

Esta será uma tarefa difícil para “Avatar: O Caminho da Água”, afinal seu antecessor arrecadou mais de US$ 2,8 bilhões em todo o mundo, o que é a maior bilheteria da história.

O filme terá o retorno de Sam Worthington, Zoe Saldana, Stephen Lang, Joel David Moore e Giovanni Ribisi, além de Sigourney Weaver, que retornará em um papel totalmente novo e surpreendente, visto que sua personagem morreu em ‘Avatar”. O segundo filme nem chegou, e o terceiro já foi filmado em conjunto, com os roteiros do quarto e quinto escritos, mas aguardando o desempenho nas bilheterias de “O Caminho da Água” para serem aprovados.

“Avatar” retornará aos cinemas nesta quinta-feira (23) para um relançamento em preparação para a chegada de “Avatar: O Caminho da Água”, em 15 de dezembro.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!