Grandes astros de Hollywood algumas vezes passam por baixas em suas carreiras. Algumas vezes um grande filme é capaz de trazê-los de volta ao estrelato, mas em outras são séries de TV que fazem o trabalho de reerguer a imagens destes atores.
Alguns exemplos de atores que reviveram suas carreiras com séries:

  • Kevin Costner – Yellowstone
  • Drew Barrymore – Santa Clarita Diet
  • Kirsten Dunst – Fargo
  • Danny DeVito – It’s Always Sunny in Philadelphia
  • Matthew McConaughey – True Detective
  • Karl Urban – The Boys
  • Martin Sheen – The West Wing
  • Winona Ryder – Stranger Things
  • Jessica Lange – American Horror Story
  • Cillian Murphy – Peaky Blinders

A drástica melhoria na qualidade e aclamação de produções de TV nas últimas décadas e o aumento da proeminência dos serviços de streaming tornou o meio mais atraente para as estrelas de cinema que desejam fazer um retorno. Vencedores do Oscar e grandes nomes do entretenimento voltaram ao estrelato de Hollywood por meio de algumas de nossas séries favoritas.

Leia mais:

Kevin Costner – Yellowstone

yellowstone
Imagem: Paramount

Grande nome do cinema americano como ator e diretor, Kevin Costner surgiu em 1985 com o faroeste Silverado. Ele teve grande dominância nos anos 1980 e 1990, protagonizando grandes produções e sucessos de bilheteria. Mas, depois disto, suas produções começaram a sofrer uma queda.

publicidade

A carreira de Costner continuou firme, e ele seguiu como um nome respeitado em Hollywood, mas passou a ser conhecido mais por seus papéis secundários, como o de pai do Superman de Henry Cavill em Homem de Aço.

Mas o faroeste o trouxe de volta ao estrelato, desta vez na série de TV Yellowstone, em que ele vive o fazendeiro John Dutton. A série é um dos maiores sucessos da TV americana, e vive quebrando recordes de audiência.

Yellowstone está disponível no streaming brasileiro pelo Paramount+.

Drew Barrymore – Santa Clarita Diet

Imagem: Netflix

Drew Barrymore sempre conseguiu grandes papéis em sua carreira, passando por E.T. O Extraterrestre aos sete anos de idade, até diversas comédias de sucesso no final dos anos 1990 e início dos anos 2000. A atriz expandiu seus conhecimentos, se tornou uma diretora e produtora, além de um dos grandes nomes de Hollywood. Mas a popularidade sofreu uma certa queda nos últimos anos.

Foi com a série Santa Clarita Diet, da Netflix, que tudo mudou. A comédia de horror sobre uma agente imobiliária que se torna um zumbi, de 2017, correu por três temporadas e trouxe aclamação para Barrymore, a reestabelecendo como um dos grandes nomes da comédia.

Santa Clarita Diet está disponível na Netflix.

Kirsten Dunst – Fargo

séries
Imagem: FX

Entrevista com o Vampiro foi o filme que elevou a atriz Kirsten Dunst ao status de estrela de Hollywood. Ela brilhou mais ainda na trilogia Homem-Aranha de Sam Raimi, onde viveu Mary Jane, interesse amoroso de Peter Parker. Além disso, ela se manteve no estrelato com diversas colaborações com a diretora Sofia Coppola.

No entanto, embora nunca tenha deixado de ser um grande nome em Hollywood, a atriz perdeu um pouco do brilho com o passar dos anos. Foi na segunda temporada da série Fargo que Dunst começou a retomar seu lugar entre as estrelas, conquistando uma indicação ao Emmy. Após a série, a atriz foi aclamada por seu papel no faroeste Ataque dos Cães, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar.

Danny DeVito – It’s Always Sunny in Philadelphia

séries
Imagem: FX

Danny DeVito é um grande nome de Hollywood há décadas, provado tanto no drama quanto na comédia. Mas, se ele era um dos grandes nomes dos anos 1980 e 1990, sua carreira sofreu uma queda nos anos 2000, com diversos filmes tendo dificuldades para encontrar sucesso entre as audiências.

O sitcom It’s Always Sunny in Philadelphia também não estava na melhor das situações após sua primeira temporada, e chegou a sofrer ameaças de cancelamento se um grande nome não entrasse para o elenco. Danny DeVito foi o nome escolhido, e a série do FX decolou, assim como a carreira do ator.

It’s Always Sunny in Philadelphia pode ser visto no Brasil pelo Star+.

Matthew McConaughey – True Detective

Imagem: HBO

Matthew McConaughey foi um dos maiores jovens astros dos anos 1990, e parecia destinado a se tornar um dos grandes nomes da indústria. No entanto, a carreira do ator não conseguiu decolar por algum tempo, com ele se vendo preso a papéis de protagonista em comédias românticas durante os anos 2000.

Foi no começo dos anos 2010 que McConaughey mudou o rumo de sua carreira em direção aos papéis dramáticos que o fizeram brilhar nos anos 1990. True Detective, série antológica investigativa da HBO ajudou isto a se tornar realidade, com MCConaughey interpretando o detetive Rustin Cohle na primeira temporada da série, papel que lhe rendeu uma indicação ao Emmy.

True Detective está disponível no HBO Max.

Karl Urban – The Boys

O ator Karl Urban aparece caracterizado como Billy Butcher enquanto sorri com o rosto ensanguentado
Imagem: Amazon/Divulgação

Karl Urban tem aparições na trilogia O Senhor dos Anéis, no MCU, em A Supremacia Bourne e no reboot de Star Trek. No entanto, apesar de aparecer em grandes produções, parecia que ser protagonista simplesmente não era com ele, com suas aparições em papéis principais não dando certo ao longo dos anos.

Isto até chegar The Boys, série do Amazon Prime Video, que tem Urban vivendo Billy Butcher. Com o papel principal na série chocante de super-heróis desajustados, o ator se tornou um ícone da cultura pop.

The Boys pode ser assistida pelo Amazon Prime Video.

Martin Sheen – The West Wing

the west wing
Imagem: NBC

Durante os anos 1970, Martin Sheen foi um grande nome da indústria cinematográfica, trabalhando com alguns dos melhores diretores da época. Mas sua carreira sofreu uma grande queda entre os anos 1980 e 1990. Quando parecia que as coisas não dariam mais certo para o ator, ele começou a viver o Presidente Jed Bartlet em The West Wing, de 1999.

O que era para ser um papel pequeno, foi expandido após o roteirista Aaron Sorkin ver sua atuação no episódio piloto. Ao longo das sete temporadas da série, Sheen foi indicado cinco vezes ao Emmy. E mais importante: sua carreira teve um reinício.

Winona Ryder – Stranger Things

séries
Imagem: Netflix

Winona Ryder era uma das maiores estrelas do cinema entre os anos 1980 e 1990. Com diversas colaborações com Tim Burton e papéis em filmes como Atração Mortal (1988) e Garota, Interrompida (1999), o caminho para uma grande carreira parecia claro. Mas após um grande escândalo público, Ryder desapareceu das telas e interrompeu a carreira até retornar em 2006.

No entanto, apesar de ter conseguido papéis como coadjuvante em grandes filmes como Star Trek e Cisne Negro, o protagonismo não voltou até ela assinar com a Netflix para estrelar a série de ficção científica Stranger Things. O papel deu um reinício à carreira de Winona Ryder, ela voltou a ser reconhecida, e também conhecida por uma nova geração de fãs.

Stranger Things está disponível na Netflix.

Jessica Lange – American Horror Story

séries
Imagem: FX

Entre os anos 1970 e 1990, Jessica Lange venceu duas estatuetas no Oscar e se tornou um dos grandes nomes de Hollywood, com papéis de destaque em longas como Tootsie, Cabo do Medo e Céu Azul. Com a virada do século, Lange passou a focar nos palcos, e sua carreira no cinema sofreu uma queda.

Mas, após ver a performance da atriz no filme Um Bonde Chamado Desejo (1995), o produtor Ryan Murphy escreveu um papel para Lange na série American Horror Story. A atriz apareceu em cinco temporadas da série, incluindo as quatro primeiras, e viu sua carreira nas telas voltar a decolar, ao apresentar sua atuação a uma nova geração de fãs.

American Horror Story está disponível no Star+.

Cillian Murphy – Peaky Blinders

Thomas Shelby de Peaky Blinders
Imagem: Reprodução/ Robert Viglasky – © 2014 – BBC

Cillian Murphy começou sua carreira de sucesso com filmes como Extermínio (2002) e Sunshine – Alerta Solar (2007). Apesar de ter construído uma boa bagagem profissional trabalhando com Christopher Nolan na trilogia O Cavaleiro das Trevas e em A Origem, ele nunca foi visto como um ator para viver o protagonista.

Isto até protagonizar na série de época Peaky Blinders. Cheia de estilo, a série tornou-se um dos pilares da cultura pop moderna com Tommy Shelby, vivido por Murphy, se tornando um dos personagens mais icônicos da história da televisão. Peaky Blinders colocou Murphy como um protagonista certificado e agora ele deve estrelar a cinebiografia dramática de Nolan Oppenheimer em 2023.

A série Peaky Blinders pode ser assistida na Netflix.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!