Na última sexta-feira (16), a Meta exibiu uma inovação que pode definir alguns planejamentos da empresa daqui para frente. Na plataforma de metaverso da empresa, um avatar do rapper The Notorious B.I.G. se apresentou no palco de realidade virtual.

No show hospedado no Horizon Worlds, o rapper esteve em um terno de veludo vermelho e aplausos pré-gravados foram incluídos. Apesar de ter sido assassinado anos atrás, The Notorious B.I.G. parecia estar vivo e cantava alguns de seus hits, como “Mo Money Mo Problems”. A performance pode ser vista na página do cantor pelo Facebook.

publicidade

Leia também!

O evento no metaverso é um experimento essencial para Meta que planeja expandir seus horizontes pela realidade virtual. Nesse sentido, há duas questões que a empresa deve encarar no futuro: uma forma de tornar esses shows rentáveis e os fatores que envolvem a ética desse negócio.

publicidade

Apesar do feito impressionante da Meta, essa não é a primeira vez que um artista falecido é “ressuscitado”, tendo ocorrido vários casos de eventos que hospedaram hologramas de artistas como Michael Jackson, Amy Winehouse e Whitney Houston. Um exemplo bem popular foi do rapper Tupac, que teve um holograma apresentado em 2012 no festival de música Coachella.

Por outro lado, o holograma é destacado muitas vezes como tecnicamente limitado devido ao ângulo específico que o público precisar estar para obter a ilusão do artista performando em 3D. Já no metaverso, a Meta vem prometendo até mesmo uma forma de interagir com o avatar em futuro próximo.

publicidade

The Notorious B.I.G. foi um dos músicos mais aclamados dos anos 90 e deixou um legado cultural pelo mundo como um dos maiores rappers de todos os tempos. O cantor foi morto em 1997, aos 24 anos de idade, após ser baleado quatro vezes por um atirador, que nunca mais seria avistado.

Informações via Technology Review

publicidade

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!