Se você está começando ou já está acostumado a investir em criptomoedas, precisa ficar atento com os golpes. O Olhar Digital preparou uma lista com os 4 principais golpes para você não perder dinheiro.

1) Phishing

Phishing é um dos golpes mais comuns na internet – e, portanto, no mundo dos criptoativos. Nessa modalidade, os criminosos falsificam sites ou apps de corretoras, como a Binance, para roubar ativos digitais, criptomoedas e carteiras virtuais.

Um golpe de phishing envolve seis etapas
No Phishing, os golpistas imitam sites e aplicativos para roubar seus ativos e também seus dados. Imagem: Net Vector / Shutterstock

Geralmente, essas páginas e aplicativos são extremamente parecidos com os originais. As imitações se diferenciam apenas por algum detalhe. No caso de sites, pode ser alguma letra a mais no domínio ou no uso de terminações diferentes (como .net).

Algumas dicas para evitar cair neste golpe:

publicidade
  • Não acesse links enviados por terceiros (principalmente, se você não conhece a pessoa que o enviou);
  • Não baixe aplicativos fora das lojas oficiais;
  • Desconfie de sites que oferecem criptomoedas a preços mais baixos do que o do mercado;
  • Use carteiras populares no mercado.

2) Sorteios falsos

Quem não gosta de ganhar algum mimo, certo? Fique atento, porém, se o sorteio envolver algum influenciador divulgando a criptomoeda da moda.

O que é Sorteiogram
Existem sorteios nas redes sociais que exigem que você invista em uma moeda ou carteira. Imagem: Dean Drobot / Shutterstock

Em alguns casos, existem fraudadores investindo para essa nova moeda digital ser divulgada. Geralmente, o crime ocorre nas redes sociais e para participar você deve comprar esta nova criptomoeda ou se cadastrar em uma corretora.

Leia também:

3) Falsidade ideológica

Neste golpe, criminosos utilizam a imagem de alguma pessoa ou empresa conhecida do mercado para fazer com que usuários comprem uma determinada moeda. O plano pode ser algo simples, como se passar por outra pessoa em uma rede social, ou algo mais complexo, como foi com Elon Musk. Em 2022, golpistas usaram sua imagem e voz para criar um vídeo com a técnica deep fake.

Neste vídeo, este “sósia” incentivava as pessoas a investirem em um projeto de criptomoedas:

4) Esquemas de investimentos

Neste golpe, também conhecido como “Pump and Dump”, criminosos criam uma criptomoeda e investem em massa para que ela valorize rapidamente. Assim, investidores inexperientes compram o ativo para surfar no bom desempenho dele.

Logo que a moeda fica bombada, os fraudadores vendem suas cotas simultaneamente e embolsam o “lucro”. Ou seja: antes de investir, verifique o histórico da moeda e desconfie de valorizações repentinas.

Com informações de Federal Trade CommissionForbesNortonBitcoin.org e Kapersky.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!