De vez em quando aparecem por aí pessoas dizendo serem viajantes do tempo, mas um homem em 2006 que criou uma história tão boa, que quase parecia verdade. Se você já está a bastante tempo na internet, talvez já tenha ouvido falar de Sergei Ponomarenko. Mas agora sua “mentira” parece ter sido desmascarada por um youtuber.

Sergei Ponomarenko apareceu em Kiev, na Ucrânia, em 2006, quando pediu informações às autoridades. Ele estava vestindo roupas bastante estranhas para a época e carregava consigo uma câmera antiga.

O viajante do tempo alegava ter 25 anos, ter nascido no ano de 1932 e estava com um passaporte dos anos 1950 da extinta União Soviética. A explicação de Sergei para toda essa bizarrice, que provavelmente deixou os policiais confusos, era de que ele estava tirando fotos de Kiev quando foi parar 48 anos no futuro.

A máquina fotográfica que ele estava carregando era de uma marca que já não era mais fabricada desde os anos 70. Os filmes estavam bem preservados e após as fotos reveladas mostraram uma série de coisas estranhas apareceram. Elas mostravam Kiev na década de 50, Sergei com suas roupas estranhas, uma mulher e até mesmo um OVNI, que de acordo com o viajante do tempo, foi a última coisa vista por ele antes de ir para o futuro.

publicidade

Após isso, Sergei foi levado para o quarto de uma delegacia e nunca mais foi visto. No entanto, foram encontrados registros de um homem com o mesmo nome que desapareceu em 1958 e a mulher da foto, que era sua namorada, já idosa.

A mulher disse que Sergei ficou desaparecido por 2 anos, antes de “voltar” para o passado, e que na década de 70 voltou a desaparecer. Ela alegou que recebeu fotos mostrando o viajante do tempo muito mais velho em 2050, com Kiev ao fundo, maior e cheia de prédios.

Leia mais:

Desmascarando o viajante no tempo

No entanto, o youtuber Joe Scott resolveu investigar toda essa história. Ele aponta que as fotos  supostamente realizadas em 2050 por Sergei contém uma série de prédios duplicados e podem incluir até mesmo o Empire State Building, famoso prédio localizado em Nova York.

Além disso, as fotos eram de um programa de TV ucraniano pseudocientífico chamado Alien e que já vinha com aviso alertando sobre o conteúdo exibido e não responsabilização pela veracidade dos fatos apresentados.

A série Alien visa restaurar cenas de tópicos controversos. Qualquer teoria ou hipótese proposta não pode ser considerada correta, e mais pesquisas científicas são necessárias. Todas as restaurações de cenas são baseadas nas declarações de ‘testemunhas’. Não há evidências conclusivas para provar a existência de alienígenas. Sua opinião sobre este assunto depende de você.

Aviso da série Alien

No fim das contas, a história de Ponomarenko nunca foi encarada como verdadeira pelas autoridades, com as novas informações, o mistério ganha um novo capítulo e começa a ser desvendado. De qualquer forma, o sumiço do “viajante do tempo” e o depoimento da mulher vão sempre intrigar os curiosos.

istiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!