Elon Musk, CEO da Tesla, não está impressionado com números do hipercarro elétrico Nevera, da concorrente Rimac. Pelo menos, é assim que dá para interpretar sua reação à divulgação desses números numa rede social.

Leia mais:

Questionado pela Teslaconomics se o Tesla Roadster será capaz de bater o recorde de 0-60 mph (quase 0-100 km/h) em 1,74 segundos estabelecido pelo Rimac Nevera, o bilionário respondeu enigmaticamente com uma risada.

Apesar de centenas de comentários de usuários do Twitter, Elon Musk não esclareceu o que quis dizer na resposta. Dá para supor que, para o CEO, o Tesla Roadster será muito mais rápido que o Rimac Nevera.

publicidade

Tesla x Rimac

Homem dirigindo Tesla Roaster conversível na rodovia
(Imagem: Reprodução/MakeUseOf)

O Nevera é um hipercarro elétrico de US$ 2,15 milhões (aproximadamente R$ 10,75 milhões, na cotação atual) com tecnologia de ponta. Mas é preciso levar em conta, também, o desempenho insano que a Tesla conseguiu espremer do Model S Plaid e do Model X Plaid, dois veículos de tamanho familiar que começam em pouco menos de US$ 110 mil (R$ 550 mil).

Visto que se espera que o Tesla Roadster apresente evolução do trem de força elétrico trimotor dos modelos Plaid atuais, e que será definitivamente mais leve e mais aerodinâmico do que o Model S Plaid, o recorde de 0-60 mph do Rimac Nevera não parece impossível de quebrar.

Na inauguração do Roadster, em 2017, a Tesla informou que o hipercarro elétrico pode fazer 0-60 mph em 1,9 segundos. E isso sem a opção SpaceX, que deveria reduzir o tempo para 1,1 segundos.

Talvez a Tesla revele do que a próxima geração do Roadster é capaz já em 2024, quando fabricante deve lançá-lo, de acordo com comentários de Elon Musk na Reunião Anual de Acionistas de 2023, realizada nesta semana.

Quebrando recordes

elétrico
(Imagem: Divulgação/Rimac)

O hipercarro elétrico Rimac Nevera quebrou 23 recordes num único dia de testes nas instalações do ATP (Automotive Testing Papenburg), na Alemanha, onde aproveitou ao máximo as retas de quatro quilômetros. Com isso, veículo estabeleceu novas marcas de velocidade e aceleração.

Equipado com pneus Michelin Cup 2 R homologados para uso em estradas, o Nevera conseguiu atingir 100 km/h em apenas 1,74 segundos. Marca superou o tempo oficial de 1,85 segundos que tinha sido divulgado pela Rimac.

Vale ressaltar que a aceleração não foi feita a partir da imobilidade total, pois a medição levou em consideração um avanço de um pé (30,48 cm). Além disso, montadora croata ressaltou que a superfície não tinha sido preparada para o teste.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!