A Apple vai realizar mais uma edição do WWDC, seu evento para desenvolvedores. Geralmente, é neste evento – que vai de 5 a 9 de junho – que a empresa mostra novos softwares para iPhones, iPads, e Macs, por exemplo. Mas, ocasionalmente, aparecem hardwares novos. E isso pode rolar na edição de 2023.

O que você precisa saber:

  • Além de melhorias em software, a Apple pode estrear novos tipos de dispositivos na edição de 2023 do evento WWDC, voltado para desenvolvedores;
  • Entre as principais expectativas, estão: fone de ouvido com realidade aumentada, novo MacBook Air de 15 polegadas e novo Mac Pro;
  • O Apple WWDC 2023 está agendado para rolar entre 5 e 9 de junho.

Isso porque existem muitos rumores circulando sobre um misterioso fone de ouvido de realidade aumentada, um novo MacBook Air de 15 polegadas e o Mac Pro com processador da Apple. Então, é possível que haja alguns produtos novos no palco junto às melhorias de software.

Leia mais:

O que esperar do Apple WWDC 2023?

Logomarca da Apple com imagem de olho colorido ao fundo
(Imagem: James Martin/CNET)

Confira as expectativas com maior chance de se concretizarem na edição de 2023 do evento da Apple para desenvolvedores:

publicidade
  • Fone de ouvido

Este é o maior boato para a WWDC deste ano. Há rumores que o dispositivo rodará num novo “xrOS”, com capacidade de utilizar realidade mista – isto é, uma combinação de realidade virtual e realidade aumentada. Pode haver rastreamento de olhos e mãos, telas de alta resolução e… possivelmente um preço de US$ 3 mil (aproximadamente R$ 15 mil em conversão direta, na cotação atual).

Mark Gurman, da Bloomberg, detalhou recentemente como a Apple planeja incorporar esportes, jogos, exercícios e aplicativos para iPad no fone de ouvido para mostrar o que a nova plataforma pode fazer. Se isso é suficiente para excitar os consumidores e persuadi-los a gastar milhares ou para os desenvolvedores se comprometerem a criar aplicativos para isso, ainda não se sabe.

  • MacBook Air 15″
Visão lateral de um MacBook Air parcialmente aberto e com tela acesa emitindo luz rosada
(Imagem: Divulgação/Apple)

O MacBook Air tem sido um dos laptops mais populares da Apple. Frequentemente vendido com uma tela de 13 polegadas, a Apple experimentou diferentes tamanhos de Airs no passado, inclusive oferecendo um modelo de 11 polegadas por anos.

Rumores hoje em dia, no entanto, sugerem que a empresa tem um Air maior, de 15 polegadas, movido a processador M2. Isso vem, mais uma vez, de Gurman, da Bloomberg, que espera que o novo laptop seja anunciado no evento deste ano.

Embora os rumores apontem para um anúncio iminente, não está claro quanto a Apple pode cobrar pelo novo Air ou como ele pode se encaixar na linha de MacBook existente da empresa.

O MacBook Air de 13,3 polegadas com processador M1 (de 2020) ainda é vendido por US$ 1 mil (R$ 5 mil), enquanto o MacBook Air 2022 de 13,6 polegadas atualizado com M2 começa em US$ 1,2 mil (R$ 6 mil). Um MacBook Pro de 16 polegadas, por sua vez, custa a partir de US$ 2,5 mil (R$ 12,5 mil). O Air de 15 polegadas pode caber em algum lugar no meio?

  • Mac Pro
Close na parte superior e frontal da CPU do Mac Pro
(Imagem: James Martin/CNET)

A Apple atualizou o Mac Pro pela última vez no WWDC de 2019. Apesar de alguns indícios terem confirmado que a empresa trabalha num novo modelo que vai rodar com chips Apple Silicon, a marca tem mantido silêncio sobre seu computador “superpoderoso”.

Os fãs do Mac Pro podem sintonizar no evento, mas com expectativas moderadas. Numa aparição, em abril, no The MacRumors Show, Gurman, o sábio da Apple, sugeriu que novo modelo pode aparecer em 2022, mas não no evento da Apple para desenvolvedores.

  • Software

Além de todos os rumores de hardware, pode-se esperar que a Apple detalhe as atualizações mais recentes de 2023 para suas plataformas iOS, iPadOS, WatchOS e TVOS.

Entre as maiores mudanças do iOS, a Apple pode finalmente adicionar suporte para instalação de aplicativos não baixados da App Store. A fabricante do iPhone resistiu por muito tempo em abrir seu software móvel para permitir a instalação “externa”. Mas novos regulamentos europeus podem ter forçado sua mão.

Outras mudanças de software que a Apple pode revelar incluem um novo aplicativo de saúde mental, bem como o retorno de widgets ao Apple Watch.

Com informações de CNET e Bloomberg

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!