Após um anúncio tardio sobre o atraso dos pagamentos do programa X Premium Ads Revenue Sharing, anteriormente conhecido como Twitter Blue, a conta oficial @Support do Twitter, ou X após a reforma da plataforma de Elon Musk, postou que os pagamentos foram efetuados. Eric Farraro, funcionário da X, esclareceu que o anúncio do atraso foi feito somente quando a empresa tinha certeza de que os pagamentos não seriam realizados na data prevista.

Leia mais:

publicidade

Aumento no número de criadores gerou o atraso de pagamentos no Twitter

Conforme relatado pelo The Verge, Farraro também comentou sobre as futuras rodadas de pagamentos, mencionando: “Já fizemos pagamentos para um número bem menor de criadores anteriormente. No entanto, ampliar para milhares de criadores apresenta novos desafios em termos de engenharia, operações e suporte. Tendo concluído a onda inicial de pagamentos ontem, repetir esse processo se torna uma tarefa mais simples.”

Muitos participantes receberam os pagamentos, mas ainda faltam detalhes específicos sobre como os valores foram calculados ou a que período se referem. Evan Jones, outro funcionário, disse que a empresa “vai melhorar” essa questão.

publicidade

Elon Musk explica sistema de remuneração no Twitter

Elon Musk, ao compartilhar um post da @Support, enfatizou que, com a recente redução no limite mínimo de pagamento para US$ 10 e a exigência de no mínimo 5 milhões de visualizações em três meses (anteriormente eram 15 milhões), os usuários que pagam pelos recursos adicionais podem lucrar mais rapidamente. Ele acrescentou: “Isso significa que o X Premium é gratuito para contas que geram mais de 5M de visualizações.”

Usuários da plataforma tentaram calcular o valor de cada visualização comparando os depósitos com os dados das ferramentas analíticas do Twitter. Um usuário, @teslaboomermama, compartilhou uma planilha onde menciona que enviou 2.709 tweets em julho, gerando mais de 10 milhões de visualizações e recebeu um pagamento de US$ 698,70.

publicidade

Respondendo a um usuário que teve sua conta restabelecida após ser banida, Musk disse que os anunciantes que se recusam a anunciar em certas contas ou conteúdos podem afetar os valores dos pagamentos.

O sistema atual paga aos postadores uma fração de centavo por visualização de suas postagens, com base nos anunciantes que pagam pelas visualizações e nos usuários que pagam para ver as postagens. Linda Yaccarino anunciou novas configurações de sensibilidade para anunciantes esta semana e, em uma entrevista à CNBC, comentou sobre a situação financeira da empresa, afirmando que “estamos quase no ponto de equilíbrio”.

publicidade

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!