O Olhar Digital News tem uma estreia muito especial nesta quarta-feira (27). Você tem encontro marcado com um dos neurocientistas e futuristas mais aclamados da atualidade: Alvaro Machado Dias! E o nome da coluna não poderia ser diferente: Olhar do Amanhã. Toda quarta-feira, a partir das 19h30, vamos discutir o avanço da tecnologia, sua integração com a medicina, tendências tech para o futuro, impacto social da tecnologia e muito mais!

Você já tinha visto participações do Dr Alvaro no Olhar Digital News como convidado. Com ele, já discutimos o uso da Inteligência Artificial no nosso dia a dia, as consequências dessa interação para o nosso cérebro, além da “disputa” entre seres humanos e máquinas no mercado de trabalho. E os resultados dessas participações não poderiam ser melhores!

Com grande interesse do nosso público e repercussão nas redes sociais, tornamos essa parceria fixa e semanal! Os principais assuntos da tecnologia, medicina e futurismo serão destrinchados por quem entende (e muito!) de tudo isso.

Alvaro Machado Dias é professor livre-docente da UNIFESP, fellow da Behavioral & Brain Sciences (Cambridge), membro do MIT Global Insights. É também sócio do Instituto Locomotiva e da WeMind Escritório de Inovação.

publicidade
Alvaro Machado Dias é um dos principais palestrantes do Brasil e, agora, está no time do Olhar Digital News!

Começando com o pé direito

E nada melhor do que começar com um assunto em alta, um pouco polêmico e absolutamente relevante! Um estudo recente da Universidade de Nova York revelou que, ao contrário do que se achava, a atividade cerebral continua depois de uma parada cardíaca. Isso porque o coração para de mandar sangue ao cérebro e, em teoria, o órgão deveria parar de funcionar. No entanto, a pesquisa mostrou que pacientes que sobreviveram às paradas relataram consciência durante o momento de “quase morte”.

E alguns dados chamaram muito a atenção dos pesquisadores:

  • O estudo analisou a atividade cerebral de 53 pacientes que sobreviveram a paradas cardíacas em 25 instituições de saúde nos Estados Unidos e Reino Unido. Todos eles passaram pela reanimação cardiopulmonar.
  • Além disso, a análise mostrou que eles tiveram picos nas ondas cerebrais associadas à função mental superior, que tem ligação com a memória, imaginação, pensamentos e linguagem.
  • 40% relatou ter memórias e pensamentos conscientes, e a maioria revelou ter uma consciência de 360° do espaço ao redor após a reanimação.

O que é a morte para a neurociência? O que a ciência entende sobre vida após a morte? E o que é uma experiência de quase morte? Essas e outras perguntas serão debatidas nesta quarta-feira (27), a partir das 19h30! A apresentação, você já sabe: é com Marisa Silva! O Olhar Digital News vai ao ar em todas as nossas redes sociais. Fique ligado!